Confira nossas matérias:

Tiradentes
Circuito Trilha dos Inconfidentes
Tiradentes é uma cidade com altos e baixos. Não apenas por seu relevo acidentado, mas também por sua história. Encravada no sopé da Serra de São José, ela viveu momentos de glória e esquecimento, devido ao auge e esgotamento de suas minas....
Ler Matéria

Diamantina
Circuito dos Diamantes
Não eram estrelas que brilhavam no céu noturno de uma porção caprichosa da Serra do Espinhaço. Eram os diamantes do Tijuco, refletidos lá em cima, tamanha a quantidade existente no leito dos rios. Um mar de estrelas, um palco distante......
Ler Matéria

Conselheiro Lafaiete
Circuito Villas e Fazendas de Minas
Várias cidades em um só circuito, todas com um passado dourado em comum. Assim é a região de Conselheiro Lafaiete. Reúne histórias que permaneceram por muito tempo esquecidas. Por aqui passou o caminho novo, e depois a Estrada Real, que ligavam as riquezas de Minas ao porto do Rio de Janeiro, então capital da colônia....
Ler Matéria

Monumento Natural Gruta Rei do Mato
Região Central
É bom não subestimar o que os seus olhos estão prester a ver. Quem olha para o paredão rochoso, com uma pequena entrada em sua base, nem imagina as maravilhas que ali se escondem. Estamos na Rei do Mato, a segunda gruta mais visitada de Minas Gerais, palco de espeleotemas singulares, como as Colunas Gêmeas, únicas no mundo....
Ler Matéria

Parque Estadual do Rio Doce
Vale do Rio Doce (Leste)
Do alto é que se tem a real dimensão deste parque, um extenso tapete verde de 35.973 hectares, o maior complexo lacustre e a maior reserva contínua de Mata Atlântica de Minas Gerais....
Ler Matéria

Parque Estadual do Rio Preto
Região Central
Onde termina a sina cruel do ouro e dos diamantes, começa um paraíso. No marco final da Estrada Real está um dos parques mais recônditos de Minas Gerais. Escondido entre as montanhas de uma porção muito especial da Serra do Espinhaço, o Rio Preto desenha um cenário de sonhos, repleto de corredeiras, cachoeiras, mirantes......
Ler Matéria

Monumento Natural Gruta do Maquiné
Região Central
Há um lugar, nas profundezas de Minas Gerais, onde os olhos de Medusa parecem ter tocado. Neste lugar especial, esculpido pelas águas ao longo de milhões de anos, a imaginação é testada a todo o momento. Estar aqui não é bem uma visita, mas fundamentalmente uma viagem....
Ler Matéria

Parque Estadual do Itacolomi
Região Central
Encoberto por uma densa névoa, o Pico do Itacolomi impõe um ar místico ao cenário histórico de Ouro Preto e Mariana. Em tupi guarani, o nome quer dizer "a pedra e o menino" (ITA - CORUMI)......
Ler Matéria
Você está na seção Pacotes Turísticos Geral - Detalhes do Anunciante

Informações sob inteira responsabilidade do anunciante.


Pacote Turístico

Caminho da Luz


Circuito Pico da Bandeira
Localização: Zona da Mata (Sudeste)
Minas Gerais

  Informação Importante:

    Os pacotes divulgados pela Idas Brasil são de inteira responsabilidade das operadoras cadastradas. Preços e condições informados são referenciais e estão sujeitos a mudanças inesperadas. Caso tenha interesse neste pacote clique acima, em "Mandar um e-mail", e entre em contato direto com a operadora.

 

  Acesso Rápido

Breve Descritivo | Informações Básicas | Modalidade | Disponibilidade

Tarifário/ Formas de Pagamento | Pacote Inclui | Pacote Não Inclui | Roteiro

O que levar e/ou Usar | Dicas | Indique esse pacote


 
Breve Descritivo:

    O Caminho da Luz é uma rota de peregrinação de 195 km, que tem início em Tombos, na divisa de Minas com o Rio de Janeiro, na Base da 5ª maior Cachoeira do País em volume d’água e término no Pico da Bandeira, o mais alto acessível do Brasil, na divisa de Minas com o Espírito Santo. Percorrido a pé, de bicicleta ou a cavalo, tem atraído peregrinos, trekkeiros e amantes da natureza de vários estados do Brasil e do Mundo.

 
Informações Básicas:

Código do pacote: IDB - 5
Cidade(s) visitada(s): Tombos, Catuné, Pedra Dourada, Faria Lemos, Carangola, Caiana, Espera Feliz, Caparaó e Alto Caparaó. Parque Nacional da Serra do Caparaó
Parque(s) visitado(s): Parque Nacional da Serra do Caparaó |
Duração: 7 dia(s)
Local de saída: Tombos
Hora prevista da saída: 07:00 h
Local de retorno: Alto Caparaó
Hora prevista retorno (fim do pacote): 17:00 h
Busca no hotel em bairros centrais? Não
Parte áerea inclusa? Não
Pacote privativo? Sim

Obs.:
pacote privativo = pacote exclusivo
pacote não prvativo = cliente (ou grupo) é encaixado em grupo pré-existente.
 

Modalidade (tipo):

Histórico-cultural
Ecoturismo
Religioso

Grau de dificuldade: Médio
 

Disponiblidade:

Obs.: nesta seção estão as condições para que o pacote seja viabilizado e serviços especiais disponíveis.

Grupo mínimo para viabilizar o pacote:   5  pessoas (adultos pagantes)
Antecedência da reserva: 15 dias dia(s) útil(eis)
Tem saída em feriados? Sim

Dias de saída:
- Sábado

Veículos disponíveis:
- Não há traslado

Veículo com ar condicionado? Não
Pacote disponível para deficientes físicos? Não
Pacote disponível para terceira idade? Sim, mas depende de análise

Idioma falado pelo guia:
- Português

 

Tarifário / Forma de pagamento:

Obs1.: preços e condições sujeitos a mudanças inesperadas.
Obs2.: preços válidos para o grupo mínimo (número de pessoas) informado. Para grupos maiores e/ou grupos privativos valores sob consulta.
Obs3.: tarifário sob inteira responsabilidade da operadora.

Meses de Alta Temporada:
- Dezembro
- Janeiro
- Fevereiro
- Julho

Alta Temporada:
Por adulto: R$ 990,00

Baixa Temporada:
Por adulto: R$ 890,00

Válido em: Apto Duplo
Criança 0 a 5 anos:
Criança 6 a 10 anos:
Validade da tarifa: 31/12/2015
Aceitamos:


- Cheque

- Dinheiro


Realiza vendas pela internet? Não
Sinal de reserva: 40%
Desconto para grupos: Sim
 

  O pacote Inclui:

Hospedagem
Café da Manhã
Jantar
Ingresso para as Atrações
Seguro Viagem
Guia

Instruções e Monitoramento - Credencial do Caminho da Luz - Guia impresso - Camisa Oficial do Caminho da Luz - Certificado - Transporte da mochila cargueira todos os dias -  Traslado em veículo 4x4 (Pico da Bandeira)

 


O pacote NÃO inclui:

Almoço
Lanche
Guia

Bebidas - Atividades opcionais e outras despesas - passeios extras não descritos no roteiro. Pernoite extra Alto Caparaó (opcional). Condutor durante o Caminho da Luz (opcional).

 

Roteiro:

1º dia – Tombos - Véspera do início da caminhada, onde são feitas as inscrições e o credenciamento dos caminhantes, que recebem a credencial do Caminho da Luz, a camisa Oficial do Caminho da Luz, o livro guia do Caminho da Luz, e o cajado. É o primeiro pernoite.

2° dia – Tombos/Catuné – Café da manhã no hotel e pé na estrada. O caminhante se desloca para a Cachoeira de Tombos, a quinta em volume de água do Brasil, e o marco inicial do Caminho da Luz. No caminho, o peregrino passa por Reservas Ambientais e conhece a centenária Fazenda Oliveira (1845), quase chegando a Catuné, o destino final do dia, ele sente a magia em conhecer a Gruta Santa. Tombos – Catuné 24,7 quilômetros.

3° dia – Catuné/Pedra Dourada –Logo nos primeiros quilômetros, conhecemos o Balneário da Comunidade da Igrejinha, onde existe um Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Continuando a peregrinação, o caminhante ruma para o Alto da Jacutinga, a aproximadamente 1.058m de altura, onde andorinhas, sabiás canários, bem-te-vis, e uma enorme diversidade de outros pássaros saúdam o caminhante com seus cantos. A seguir vem um trecho de longa descida até a pacata Pedra Dourada. Catuné – Pedra Dourada 19,25 quilômetros.

4° dia – Pedra Dourada/Faria Lemos – Uma despedida com gostinho de quero mais. Logo à frente está a Pedra do Lagarto, onde, segundo a lenda, um velho índio entoava cânticos de louvor à natureza, concentrando uma força energética que atraía os nativos. Acompanhado pelas antigas árvores centenárias, o caminhante ruma a Faria Lemos, uma das menores cidades de Minas. Pedra Dourada – Faria Lemos 25,2 quilômetros.

5° dia – Faria Lemos/Carangola – Hoje, o caminho leva à centenária Carangola, conhecida pelos antigos como “Princesinha da Zona da Mata”. Continuando a jornada, inicia-se a subida da Serra dos Cristais, assim denominada devido à abundância de tais pedras no leito da estrada. Faria Lemos – Carangola 22,85 quilômetros.

6° dia – Carangola/Caiana/Espera Feliz – Café da manhã no hotel, energias renovadas, e pé no caminho. Apesar da beleza de todo o Caminho da Luz, muitos chegam a dizer que este é um dos mais belos trechos, passando pela antiga Estrada de Ferro Leopoldina. No caminho, o peregrino entra na Parada General, e se desloca até a Estação de Ernestina, com varias nascentes, antigas construções da Estrada de Ferro, túnel de pedra, monocarvoeiros, sem falar nas paredes de bromélias, samambaias e avencas. Chega-se a Caiana, uma cidade que concentra grande energia gerada pela diversidade de minérios ali existentes em suas minas de cristais, mica e pedras semipreciosas. O carimbo é recebido no hotel. Ao deixar Caiana, a pouco mais de uma hora de caminhada, chega-se a Espera Feliz, conhecida com “Cidade das Flores” ou “Terra Fria”. Carangola – Espera Feliz 33,3 quilômetros.

7° dia Espera Feliz/Caparaó/Alto Caparaó – Café da manhã no hotel, saindo de 748 metros de altura, para os 814 metros de Caparaó, cidade cafeeira, com relevante destaque no mercado mundial de café, conhecido como o “Café das Montanhas de Minas”. Nesse trecho, o caminhante passa pela comunidade de Quicé, que possui uma pequena fábrica de doce de leite e outra de iogurte, avistando à frente a Pedra Menina. Caparaó possui também um povo hospitaleiro, belas montanhas e uma rampa de vôo livre. Inicia-se a subida, saindo dos 814m de altura em Caparaó para os 997m de Alto Caparaó, cidade ao pé do Pico da Bandeira.

8° dia – Alto Caparaó/Pico da Bandeira/Alto Caparaó – Café da manhã na pousada, depois de seis dias de peregrinação, o caminhante parte para conquistar o Pico da Bandeira, o terceiro mais alto do Brasil e o primeiro mais alto acessível. Os jipeiros, se contratados, se encarregam da condução do caminhante pelo Parque Nacional do Caparaó até a tronqueira, último lugar acessível a veículo motorizado, mas há quem opte em subir este trecho a pé. Da tronqueira à Casa de Pedra são 4,5km de caminhada forte, passando pelo Vale Encantado e pelo Rancho dos Cabritos. Na Casa de Pedra, o caminhante faz uma pequena pausa para descanso e tem uma bela visão do Pico do Cristal, que fica ao lado do Pico da Bandeira. Depois de alguns minutos de descanso, a partida para o último trecho. São 4,5km até o alto do pico, passando pela Cruz do Crioulo e por vales estonteantes. A CONQUISTA – uma enorme força toma conta de todo o ser; corpo e mente se unem em um só; êxtase completo. Fôlego recuperado e paisagens registradas, o caminhante inicia a descida. De volta à cidade de Alto Caparaó, o caminhante se dirige à pousada, onde receberá o último carimbo da credencial e seu Certificado de Caminhante da Luz. FIM!

9º dia – Retorno. Para os que ainda dispõe de tempo, Alto Caparaó é um lugar rico em belezas naturais, com cachoeiras de águas cristalinas, belas trilhas e o melhor café das montanhas de Minas.

 

O que levar e/ou usar:

- Filtro Solar
- Remédios
- Roupas Leves e Claras
- Tênis Confortável
- Bota de Caminhada/Meias Grossas
- Repelente
- Boné ou Chapéu
- Lanche Leve
- Cantil
- Óculos Escuros
- Mochila
 

Dicas:

Antes de fazer uma caminhada de longa distância, é aconselhável praticar pelo menos 2 horas de caminhada por dia, durante no mínimo 15 dias, com o calçado que pretende percorrer o Caminho da Luz. Manter sempre consigo a credencial de Caminhante.
 

Compartilhe
 
Topo



















© 2015 - Idas Brasil - Todos os Direitos Reservados